sábado, 2 de fevereiro de 2008

Algo está mal!

No espaço de duas semanas, a mesma pessoa manifestou-se.
Algo está mal!
A ser verdade o teor da desta carta, é muito grave o que se está a passar, decorrido mais de um ano. Ou o nosso conterrâneo incompatibilizou-se com os programas sociais ou eles, como são tantos, acabam por não serem aplicados no terreno.
No entanto, manifesto a minha solidariedade, porque muitos vivemos momentos difíceis, com casas inundadas. Na altura comunicamos às pessoas que estavam no terreno, concretamente a um vereador e a um elemento da protecção civil e, como grandes conhecedores deste tipo de ocorrências, apenas argumentaram que era impossível a cheia estar nesse local, quanto mais as casas estarem em risco de inundação.
Esta situação passou-se já depois de ultrapassado o ponto crítico junto à ponte, depois das 20h… ninguém apareceu no local para avaliar a situação… apenas os bombeiros para acudir (um grande bem haja).
Sabemos que em situação de catástrofe todos os meios são disponibilizados e nem sempre chegam para tantas solicitações. Todos verificamos e apercebemo-nos que houve falta de articulação e coordenação. E até hoje, nunca se apurou a responsabilidade… uns empurram para os outros.
Pelo menos, resta-nos a consolação que se tenham inventariado as falhas no sistema e feito as necessárias correcções.

18 comentários:

Anónimo disse...

Isto é uma vergonha senhores !!!

Anónimo disse...

entendo que a camara e os seus vereadores são tambem a vergonha da minha cara e por isso eu sinto que a camara da minha terra não é assim nem eu nem nós nem eles.
Moro na varzea da cegonha na margem direita do arnoia e tambem nesse dia andei a tirar os animais as sete da manhã eu e eles com água na barriga.
Cheias já vi muitas como esta no comportamento é que não subia de nivel muito depressa.
Sei que a outros a água lhes entrou pela casa dentro tiveram prejuizos materiais no que mais necessitavam para o viver e sustento do dia a dia.
Não conheço o senhor Jose Isidro mas isso não tem importancia nemhuma, importancia para mim tem ouvir a outra parte.

Anónimo disse...

A natureza tem uma força avassaladora. Os homens têm a capacidade para minimizarem este impacto sobre pessoas e bens, para isso é que existe a protecção civil. Os meios foram accionados no entanto houve uma descordenação com a descarga da barragem do Arnóia. Porque é que foi tão rapida o crescente da inundação? Essa resposta ainda não é de todo contundente. As entidades descartam a responsabilidade, empurrando as causas de uns para os outros...

Anónimo disse...

cadê a sic?

Anónimo disse...

A culpa não deve morrer solteira .
Há autoridades competentes para resolver isso .

Por ninguem se mexer,é que isto está como está .

Tras de OUTEIRO --- OBIDOS

Anónimo disse...

Devisa ser exigido o apuramento de responsabilidades no que aconteceu e ajudadas as pessoas que tiveram grandes prejuízos.

Anónimo disse...

A única preocupação que eles têm é usufruirem chorudos salários...serem bem visto socialmente(roda de amigos) e com isso terem sempres portas abertas para andarem a saltitar de lugar em lugar apenas por convite ou nomeação...

abidos disse...

Mesmo depois de toda a incompetência demonstrada, porque é que, não se abriu a mota direita do Rio, junto ao ninho das cegonhas?
Como sempre tinha sido feito no passado!!!
Para baixar o nivel da inundação da margem esquerda, distribuindo a água pelos dois lados, até porque na margem direita não existem casas !!!

A renuião que se fez, nos Filipes, com os afectados, teve como objectivo calar os descontentes, e exigir que ninguém fosse considerado culpado?
Mesmo que para isso o Presidente tivesse que levantar a voz...!!!

Barragem entupida, água nunca passou os 70% da capacidade da barragem, margens sujas, cadeado da barragem rebentado, engenheiro responsável a dar instruções pelo telefone, presidente da CMO e da Proteção Civil a aparecer ao meio da tarde, recusa em seguirem os conselhos dos mais velhos, falta de aviso com tempo por parte da Proteção Civil, retirada mais do que atrasada das pessoas de dentro das suas casas, serão estas questões suficientes, para se investigar?...

A propaganda que se seguiu, em que a CMO se fez passar por caridosa, foi vergonhosa...

Victor disse...

O Abidos tem toda a razão.
No festival do chocolate este protesto vai repetir-se?

Josepha disse...

Já tinha antes denunciado esta situação, fico contente que a Gazeta tenha publicado as cartas do José isidro.
E espero que o protesto se repita

Anónimo disse...

Este assunto nunca foi tratadoc omo deveria. Estou convencido de que aquilo que aconteceu se deveu ao amadorismo dos autarcas de Óbidos, da sua protecção civil e de uma barragem que deixou muito a desejar. Acho que quem se lixa é o mexilhão e o Telmo nunca quis assumir a responsabilidade porque achava que aquilo o enfraquecia. Mandou um vereador para o terreno que nunca deveria ter deixado de ser presidente de junta. Mas enfim, convenhamos, na arte da política também não se pode exigir que tudo corra a 100%. Mas agora que se compensem as vitimas e que se garanta que não volta a acontecer.

Marta disse...

Ó Isisdro vai fazer barulho para o festival do chocolate. Se vier a SIC ou a TVI ainda recebes uma ajuda!

Arrebaldes disse...

Zé Isidro tive oportunidade de ver uma folha A4, nos azulejos do telheiro a contares a tua situação e suponho da tua Mãe porque as habitações são contiguas, o que considero de todo que tens toda a razão para publicares a vossa desgraça ,mas com a incuria plena destes autarcas que dizem governar para o povo,mas que( polvo?)eles querem é tacho e ordenados churudos porque se estão nas tintas para nós.Por mim sempre tiveste o meu sincero apoio,é pena que nem todos assim pensem.Força Zé não desistas de denunciar o que está mal.

A Favor da Verdade disse...

Terei que exprimir aqui o que me vai na alma, ou seja:
Conheço o sr isidro á muitos anos, aliás sempre o conheci a viver onde hoje se faz manifestar, excepção feita á uns anos a esta parte porque vive numa habitação clandestina, construida por si, tipo "casinha de campo". e penso que é por lá que vive. Eu pago impostos para ter as minhas casas, ele paga? mas são outras contas. Quanto ao apuramento de responsabilidades, sim senhor, HÁ CULPADOS, e estes deveriam ser responsabilizados. Agora protestos, porquê? É um miseravel este senhor? O que fez durante a vida? Viver na clandestinidade? ou foi só a sua "casa de campo". Sejam HONESTOS (peço desculpa por ter dito a verdade, se calhar o próprio irmão não sabia)

Anónimo disse...

Aí o Sr. tem uma casa de campo? então provavelmente o irmão deveria saber. Tem que haver culpados, mas, já agora, porque tenho que ser eu, contribuinte, a pagar o que esse senhor devia fazer.Alguma vez ele fez obras na tal casa?

Anónimo disse...

Aí o Sr. tem uma casa de campo? então provavelmente o irmão deveria saber. Tem que haver culpados, mas, já agora, porque tenho que ser eu, contribuinte, a pagar o que esse senhor devia fazer.Alguma vez ele fez obras na tal casa?

Anónimo disse...

so hoje tive oportunidade de ler algumas coisas que vão saindo neste blog, esta situação é verdadeiramente vergonhosa. pela ausencia de culpados e pelo expor da situação para a opinião publica por parte do sr izidro ou outros que segundo parece ate tem outra casa. VERGONHOSO

Anónimo disse...

vergonhoso é as pessoas falarem sem conhecimento dos factos.E mais não digo!